VEREADOR JOSÉ IVAN DIZ QUE LADRÃO EM RIO DA BARRA E WALDEMAR SIQUEIRA “É UMA COISA ENDEMICA”


Não bastasse o abandono que vive o distrito de Rio da Barra, onde um vereador teve que pagar um carro para recolher lixo pelas ruas daquela localidade; não bastasse a pouca atenção dada pelo poder público municipal aquela localidade, agora tem que lidar com o discurso vexatório, desrespeitoso e até raivoso do vereador José Ivan com relação aquela comunidade.
Não bastasse dias atrás ele mesmo em um discurso "bipolar" ter culpado a população por está sendo roubada (ele disse que a culpa dos roubos em Sertânia é por conta da ostentação da população), agora ele faz um discurso contundente e discriminatório contra a comunidade ordeira e honesta do distrito de Rio da Barra e povoado Waldemar Siqueira.
Em resposta ao vereador Dóia, que mora no Distrito de Rio da Barra, o qual reclamava da questão da segurança e por está havendo muitos roubos ali, o vereador José Ivan se saiu com essa pérola, atingindo a população humilde daquela localidade:
“Ladrões naquela região de Rio da Barra e Waldemar Siqueira, ladrões de carga e de muitas outras coisas, não é de hoje não vereador, vossa excelência sabe que naquela caatinga ali tem ladrões há muito tempo, é uma referência negativa, eu tenho informações de pessoas de lá, gente da polícia, que tem ainda hoje lá no meio da caatinga morando lá. LADRÃO ALI É UMA COISA ENDÊMICA”, disse o vereador em seu discurso fazendo referência aquelas localidades. 
Infelizmente os que estavam no plenário viu o vereador Washington Passos, que é vereador do prefeito Ângelo, tal qual o próprio vereador Ivan, calar-se em total omissão diante da acusação de que na localidade onde nasceu, ladrão é uma endemia (doença infecciosa que ocorre habitualmente e com incidência significativa em dada população e/ou região).
O que o vereador José Ivan disse, e aí ele tem a mania de dizer que estão colocando palavras em sua  boca, está gravado e o leitor vai ter oportunidade de assistir logo abaixo em vídeo, é muito grave, pois se os ladrões estão morando naquela localidade e que ele mesmo diz que foi membros da polícia e moradores que o informaram sobre isso, e se realmente for verdade isso, está parecendo que há omissão por parte da força de segurança do Estado e da própria população, que sabe que os ladrões estão morando em Rio da Barra e nada fazem ou não denunciam. Estranho isso, não leitor???????
Na verdade o vereador, que há muito tempo perdeu o “tino” do seu discurso, quis agradar ao seu chefe-mor imediato, pois se ele observar as estatísticas vai ver que os ladrões presos, tanto na cidade quanto em Rio da Barra, nas vezes que foram presos, eram na sua grande maioria, de cidades vizinhas ou vindo de outros centros, poucos foram identificados como sendo moradores do município sertaniense. 
“Eu moro em Rio da Barra e não vejo essa endemia de ladrões aqui em minha localidade não. Esse vereador fala do que não entende, na verdade quer aparecer para seus “chefes imediatos”, o governador e o prefeito. O discurso dele deveria ser no sentido de cobrar ações do prefeito dele para o nosso distrito que se encontra abandonado “, disse um morador bastante enfurecido com as declarações do vereador.
Assista o momento em que o vereador José Ivan solta essa pérola contra a população do distrito de Rio da Barra e povoado Waldemar Siqueira, discurso proferido no último dia 20 de junho:
Do Tribuna do moxotó
Tecnologia do Blogger.