SINPOL DENUNCIA O QUE CLASSIFICA DE PÉSSIMAS CONDIÇÕES DE TRABALHO NAS DELEGACIAS DE CARUARU/PE


A diretoria do Sinpol – Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco, foi a Caruaru nesta quarta-feira (07/6), para verificar a estrutura física das delegacias da Polícia Civil instaladas na cidade, que ao todo são nove delegacias, além do Instituto de Criminalística – IC e o Instituto de Medicina Legal – IML, que contam com policiais civis em seus quadros. A revista nos prédios servirá para confeccionar um dossiê que será entregue ao Governo do Estado de Pernambuco no máximo em 50 dias.
O presidente do Sinpol, Áureo Cisneiros, disse que verificou várias irregularidades principalmente nas acomodações de policiais, tais como: infiltrações, goteiras e falta de alojamentos nos prédios. Ainda segundo ele, o mais preocupante é a falta de equipamentos de segurança como coletes balísticos. Na Delegacia Regional trabalham 12 policiais e eles dispõe apenas de 5 coletes. Também chamou a atenção do presidente a quantidade de veículos apreendidos no pátio da delegacia, inclusive com risco de incêndio devido a quantidade de combustíveis que existem nos tanque dos veículos amontoados. Verificou-se também que existem focos de mosquitos da dengue entre os veículos, que desta forma coloca toda população em risco.
A categoria já adiantou que irá participar da greve geral que ocorrerá no dia 30 deste mês em todo o Brasil, em protesto contra a reforma da previdência. Para Áureo essa participação dos policiais civis na mobilização é imprescindível, pois eles também serão prejudicados caso a reforma seja aprovada e irá percorre outras regiões nos próximos dias.
Tecnologia do Blogger.